terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Eclesialmente

Música para a Princesa Santa Joana de Aveiro

Conta a lenda que, quando foi o funeral da Princesa Santa Joana, assim já chamada no coração do povo, até as folhas das árvores caíram em pranto.
O director do Ensemble Joanna Musica, Mário Marques Trilha, foi à procura de música barroca ligada à filha do rei D. Afonso V que decidiu enclausurar-se no Convento de Jesus, em Aveiro, de onde irradiou a sua bondade, sobretudo para com os mais pobres. E encontrou “um razoável corpus setecentista de peças ligadas ao culto a princesa aveirense”.
O resultado é este “In Monasterio Aveirensi”, que recolhe uma Missa de Santa Joana, de David Perez, e uma Calenda de Santa Joana, de José Joaquim dos Santos, além de outras duas peças com relação indirecta com a princesa e uma última que é criação contemporânea de Marques Trilha.
Uma grata surpresa, que levaria as folhas que choraram no funeral a rejubilar com a música que aqui se nos revela.
......
In snpcultura, que pode ver aqui




Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...