domingo, 13 de dezembro de 2009

Ausências

Gripe A? Não!
.......
Hoje estive ausente. Esta ausência não foi por motivos funestos ou de gravidade momentânea. Antes pelo contrário, foi uma ausência que me provou alguma e boa satisfação.
Não! Não vale a pena estar a dizer porquê. Porquê? Porque não tem interesse. Se fui eu que fiquei satisfeito, venho aqui dizer apenas, por atenção a todos os meus amigos visitadores (e já são tantos!) que não estou doente.
Nem apanhei a gripe A!
Sabem porque digo isto? Porque com a publicidade noticiosa que andava por aí a propósito de tudo e de nada, fazia com que a gente até começasse a pensar que a gripe A (porque é que não lhe deram outro nome, como as antigas, por exemplo a «Asiática»? que matou tanta gente...) se metia dentro de nós com uma facilidade extraordinária. E metia!
Essa publicidade noticiosa amainou um pouco.
Era quase assim; um gajo dava um espirro em Bragança e, pouco depois, todos os noticiários apontavam que tinham ouvido um espirro (quase não sabendo de que origem era proveniente) e, a partir daí, era um ápice a dizer-se que havia gripe.
Que a gripe existiu, existiu! Mas as notícias metiam mais medo ao pessoal que a própria gripe. Vamos lá a ver se isto modifica. Por pessoas de família, dizem-me que, por exemplo, em Inglaterra, onde a coisa esteve feia, quase não se falava nos noticiários em tal matéria.
Como dizia o Raúl Solnado, «feitios...»
Até amanhã... quando a linha de produção bloguista começar a funcionar.
Obrigado a todos, mas esta explicação, na minha opinião, impunha-se.
.......
Se quer saber de outra visão da gripe, veja aqui...
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...