quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Eclesialmente

Bono, Bíblia e Rei David

“Aos doze anos adorava David: para mim era como uma «pop star», as palavras dos salmos eram poesia e ele era um ídolo”.
O jornal do Vaticano, L’Osservatore Romano, lembrou as afirmações do vocalista dos U2, Bono Vox, que falam do seu fascínio pelo Antigo Testamento, nomeadamente pelo Rei David.
“Antes de se tornar profeta e rei de Israel, David passou por muita coisa. Foi exilado, e acabou por ir viver para uma caverna, onde fez as pazes com Deus. É aí que esta novela se torna interessante: David compõe os seus primeiros blues”, declara Bono.
Para o jornal da Santa Sé, estas palavras poderiam não ser mais do que uma afirmação irreverente; mas para o autor do artigo, Gaetano Vallini, a confissão do cantor pode ser lida como uma “originalíssima declaração de fé”.


Esta notícia tem continuidade no SNPCultura que pode ler aqui
Além disso, tem um vídeo dos U2, que pode ver.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...