segunda-feira, 3 de agosto de 2009

MITOS E CRENDICES


Crendices da gravidez, nascimento e baptismo


Baseado no trabalho de recolha da Dr.ª Helena Maria Morais Oliveira, vamos continuar a respigar, entre outros, os mitos e crendices que não há muitos anos abundavam por estas aldeias com mistério e sabor a superstição. Destacamos os que consideramos mais importantes, hoje, em particular, o que se relacionava com a mulher grávida:

- Quando se come, o que quer que seja, à frente de uma grávida, deve-se-lhe oferecer essa comida para que o bebé que anda a engenhar não augue (o mesmo que aguar e ougar).

- A mulher no estado de gravidez não pode:
-Ir ao cemitério;
-Pegar em animais ao colo;
-Trazer chaves ou flores nos bolsos;
-Saltar arames;
Tudo isto pode prejudicar a criança que vai nascer.

O nascimento de uma criança, explicada a outra criança, de uma forma simbólica mas adulterada (passe a violência do termo).
-Veio da feira do Beco (lugar limítrofe da freguesia, que faz parte da freguesia de Macinhata, famoso pela sua feira mensal) ou veio da feira de Março (de Aveiro).

- Não se deve divulgar o nome escolhido para a criança antes de ser baptizada. Sendo necessário, diz-se que se chama Custódio (se for rapaz) ou Custódia (se for rapariga), tudo por causa do mau-olhado!

- Não se deve ir à rua com o bebé antes do baptismo. Podem os espíritos maus apossarem-se da criança.

- A madrinha não deve andar grávida, pois pode morrer a criança que anda a engenhar ou tem má sorte o(a) afilhado(a).

- Após o baptismo, na Igreja, o cortejo deve sair pela porta principal. Se sair pela lateral, dá azar. O cortejo é encabeçado pelos padrinhos, levando a madrinha a criança. A seguir os pais e logo atrás os convidados.

- Já mais crescida e quando os seus caracóis começam a tomar formas, bem como as unhas da criança, deve ser a madrinha que lhos deve cortar. E enquanto o faz deve dizer: «Em louvor de Nossa Senhora te corto as unhas e não te corto a fala».
Se isto for feito, admite-se que a criança terá melhor sorte.


Crendices seguintes:
- As superstições do casamento;
- As superstições sobre a morte e os mortos;
- Fabrico do pão;
- Crenças e simbologias;
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...