sexta-feira, 3 de maio de 2013

Brumas da Memória - 26

1966 - Inauguração dos Serviços Sociais
António Pereira Vidal & Filhos, Lda.


AS CRIADAS DE 1966

1ª Criada

Hoje a Criada Moderna                                             
Digitalização a partir do original
Para aumentar, clique na imagem
Sabe ter finura e tom...
Fina meia em bela perna
E tudo mais que é bom!

2ª Criada (acendendo um cigarro)

Fuma o belo cigarrinho
Mostrando grande altivez
Já põe rouge no beicinho
E sabe falar francês!

REFRAIN - Ambas

Somos criadas
Criadas finas
Muito esmeradas,
Muito ladinas,
Temos aos amos
Grande afeição,
Porém gostamos (bis)
Mais do patrão!...

               II

1ª Criada

Já largamos o abano,
A vassoura e o caruncho,
P´ra sentadas ao piano
Alanzoar um faduncho!

2ª Criada

E por este caminho,
Digo isto sem quimera,
Inda havemos de ir parar
Ao Retiro da Severa!

REFRAIN - Ambas
Etc....     Etc....

PARA BIS III

Somos meninas bonitas
Como outra qualquer fulana.
Já não namoramos guitas
Da Guarda Republicana!

2ª Criada

Temos dons, vestidos, galas,
Nosso viver não é pêco...
E trocamos os magalas
Por um lindo papo seco!...

REFRAIN - Ambas
Etc....      Etc....


Esta a transcrição completa do que estava escrito.
Segundo o quadro sinóptico das canções, as intérpretes foram Celeste M. e Isabel A., com letra de desconhecido e música de Manuel Morais.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...