sábado, 25 de agosto de 2012

A nossa história

Respeitando a redacção original, há um livro bastante conhecido e consultado, digitalizado pelo Google e acessível no espaço cibernauta, cujo título se transcreve parcialmente:

COROGRAFIA PORTUGUEZA E DESCRIPÇAM TOPOGRÁFICA DO FAMOSO REYNO DE PORTUGAL
Tomo Segundo offerecido ao Sereníssimo Rey Dom Joam V Nosso Senhor
Autor o P. Antonio Carvalho da Costa
Segunda Edição
Braga:
Typographia de Domingos Gonçalves Gouveia
Rua Nova nº 45
1868

Aveiro - Praça Marquês de Pombal - Governo Civil, com o edifício ao fundo.
Do lado esquerdo foi, até há pouco tempo, a esquadra da PSP, antigo convento das Carmelitas
Ano de 1920
Deste livro, já várias vezes o temos citado e transcrito neste blogue, no que à história e às terras do Vouga ali se encontra descrito. E é bastante interessante esta consulta dada a profusa informação sobre estas mesmas terras e outras.
Hoje deixamos mais um naco dessa história, na digitalização que as limitações e as nossas «habilidades» e conhecimentos informáticos o permitem. Neste naco estão as terras do termo de Aveiro. Desta mesma obra já tivémos oportunidade de ler que, parece, Esgueira seria mais importante do que o local onde se situava a que viria a ser a cidade capital de distrito, hoje conhecida. A evolução inexorável dos tempos.
São interessantes as descrições da divisão administrativa das localidades, como o caso de Fermentões, ali citado pelo nome de «Fromontoes» na freguesia de Lamas. Atente-se na redacção como era a vila de Águeda e seus lugares, com a particularidade de dizer que esta está nas «margens do rio Sardão» As digitalizações estão legíveis e podem facilmente dizer o que falta. Tem o seu interesse.

Clique nas imagens para ampliar.
 

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...