segunda-feira, 26 de setembro de 2011

A Junta de Freguesia na história - 86

As notícias de 1915!

Vista parcial da Freguesia, a partir do Pinheiro Manso (Pedrozelo)
Apesar da simultaneidade das rubricas com este título (está um post antes deste), achamos que devíamos inscrever, desde já, mais alguns episódios que as actas do princípio do século XX, bem como dos inícios após a implantação da República, nos vão mostrando o que se passava. Assim, da sessão da Junta de Freguesia de Valongo do Vouga realizada em 25 de Julho de 1915, fomos buscar as seguintes notícias e acontecimentos:

«E aberta a sessão, depois de lida, aprovada e assinada a acta da sessão anterior, procedeu-se à leitura do expediente, que constava do seguinte:
Ministério da Instrução (este e os destaques seguintes, são da nossa autoria): - Um ofício do Ministério da Instrução, devolvendo a esta Junta a planta do projecto da casa da Escola, aprovado. A Junta ficou inteirada.
Subsídio: - O conhecimento do depósito número quarenta e sete mil quinhentos e dez, Livro oitenta e um, da Caixa Geral de Depósitos e Instituições de Previdência, na importância de mil escudos, provenientes do subsídio do Estado a esta Junta para a construção da Escola. Este depósito deu entrada na dita Caixa Geral de Depósitos em trinta de Junho do corrente ano.
Obras das Escolas: - Um mapa do fiscal da construção da Escola, contendo o orçamento dos trabalhos executados, a fim de se realizar o pagamento ao respectivo empreiteiro. Segundo esse orçamento, os trabalhos executados são avaliados em novecentos e dez escudos e vinte e quatro centavos. A Junta ficou sciente (sic).
Pedintes: - Um ofício da Câmara Municipal de Aveiro, pedindo qualquer subsídio para as obras do liceu daquela cidade poder ser elevado a central. Foi resolvido oficiar dizendo que se torna impossível a esta Junta distrair das suas exíguas receitas qualquer quantia, pequena que seja, em vista do compromisso tomado para a construção da escola e outros melhoramentos igualmente indiáveis.
Ponte de Adofernando: - Sendo ponderado o estado de ruína que ameaça o pontão de Adofernando, foi resolvido mandar proceder imediatamente à sua reparação.»

E eram estas as notícias de 25 de Julho de 1915, da Junta de Freguesia.
A palavra «Adofernando» está assim escrita na acta.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...