quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Gente destas terras - 33

Joaquim Soares de Sousa Baptista
19 de Janeiro de 1874 - 28 de Outubro de 1963


Hoje decorre o aniversário do falecimento do grande e inesquecível benemérito dos pobres e da freguesia, Joaquim Soares de Sousa Baptista.
Não vou fazer uma longa lista de todas as obras que dinamizou, não vou fazer a lista de todo o bem que proporcionou aos seus conterrâneos, porque é demais conhecida. Também bafejei de alguma ajuda que me proporcionou, que não vou revelar, como é lógico mas sinto a obrigação de neste pequeno espaço o evocar precisamente na data da sua morte.
Não sei porquê, mas estas últimas páginas só se referem aos mortos. E, neste caso, para lembrar, também o falecimento físico deste Homem que via no outro o irmão, que necessitava e a quem sentia a obrigação de ajudar, qual parábola do bom Samaritano.
Naquele dia, não assisti ao seu funeral. Mas as notícias que me chegaram, foi de uma descrição fantástica, anormal, de manifestação de pesar, jamais vista,  que o povo de Valongo e fora dele, em peso, prestou ao seu Bemfeitor. Andava eu pela Guiné, naquele mês cinzento de Outubro de 1963.
Aqui deixo um modesto e singelo contributo para uma homenagem àquele que serviu de exemplo a muitos, que o seguiram, mas mais aqueles que não o seguiram.
Como eu não gosto nada deste mundo! Mas é nele que tenho de viver, até à hora...
Certamente que Sousa Baptista, para os que acreditam, tem, inevitavelmente, o seu lugar sagrado entre os sagrados. Que na paz celestial viva eternamente...

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...