sábado, 14 de agosto de 2010

A Junta de Freguesia na história - 53

Leandro Augusto Martins
Benemérito

A acta da Junta de Freguesia da sessão de 26 de Abril de 1914 está recheada de assuntos, cada qual a tratar uma matéria específica. Assim, de uma forma contínua, vamos apresentar estes assuntos contidos naquela acta, separadamente, melhor dizendo, um em cada post. O primeiro é o relato do donativo de Leandro Augusto Martins, que a seguir se reproduz:

Vista lateral (da estrada) das actuais instalações da escola 1º ciclo do Ensino Básico em Arrancada. Seria por aqui que a construção referida no texto teria acontecido.

«E aberta esta sesão pelo cidadão Joaquim Gomes dos Santos, presidente, depois de lida, aprovada e assinada a acta da sessão anterior, foi lido na mesa o expediente que constava do seguinte:
- Um ofício do cidadão Leandro Augusto Martins, em resposta a uma circular desta Junta pedindo uma subscrição para a escola, em que diz estar disposto a fazer em Aldeia uma casa de escola para o sexo feminino, ou, se a Junta tiver muita urgência em começar essas obras, pôr desde já à sua disposição a quantia de mil escudos (um conto de reis). A Junta, ponderando diversos motivos e considerando que a construção dos edifícios deve ser junta, atendendo à previsão de futuras reformas de instrução, deliberou aceitar os mil escudos. Por este acto de tamanha generosidade e verdadeiro cavalheirismo do senhor Leandro Martins e sua Esposa, que muito concorreu para tão nobre resolução, foi pelo presidente da Junta proposto que na acta se lançasse um voto de congratulação e louvor tanto a um como a outra, devendo disso ser-lhe dado conhecimento oficial, o que tudo foi aprovado por aclamação.»
 
............


Fica, assim, registado este facto histórico, pois talvez com pouco mais do que aquela importância, era capaz de se construir a sala de aulas, ou «casa de escola» como parece ser tipíco chamar-se assim no princípio do século XX. O que se fica ainda a saber, é que a Junta terá feito circulares distribuídas pelas pessoas da freguesia e, certamente, que cada um terá respondido segundo o seu espírito bairrista ou em conformidade com as suas posses. Mas o sr. Leandro Martins destacou-se, e bem...
Convém frizar que para algumas obras e necessidades, há por aí alguém que, actualmente, também se tem destacado. Porém, parece-me que quem o faz prefere ficar, agora, no anonimato.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...